Gorjeta nos Estados Unidos: como funciona?


Muitos brasileiros que viajam para os Estados Unidos acabam se perdendo na hora de dar gorjeta em diferentes ocasiões. Isso ocorre porque, diferente do Brasil, onde estamos acostumados com a conta do restaurante ou do bar já vir com os 10% incluídos no total, nos EUA ela não vem especificada, e ainda pode ser confundida com os impostos cobrados no país.
Para você entender: nos EUA a gorjeta não é obrigatória mas, quem não da gorjeta não é bem visto. Isso porque na maioria dos lugares geralmente boa parte do salário dos funcionários depende da gorjeta no fim do dia. Sim, principalmente em bares, restaurantes, hotéis e cias de taxis, os salários são MUITO baixos, pois devem ser complementados com o ganho das gorjetas. Além disso tem os impostos, ou tax, que são cobrados por todos os produtos e discriminados na sua nota, diferente do Brasil onde os impostos que pagamos já são embutidos em tudo o que compramos e, geralmente nem sabemos o valor que estamos pagando. Ou seja, se você vai consumir por exemplo um café em uma cafeteria americana e na vitrine diz que o suco custa $4,50 dólares, significa que você irá pagar um total aproximado de $ 4,86 + $1 de gorjeta. (os 0,36 cents a mais seriam a porcentagem do imposto sobre o produto, que é cobrado para o consumidor final, no caso você). E o $1 é a gorjeta referente a porcentagem do valor que você gastou. No caso da foto, como foi pago em dinheiro a gorjeta foi deixada no potinho de tips em frete ao caixa.
Em geral elas variam de 15% a 20% sob o valor da sua conta, mas o ideal é que nunca seja menos de 1 dólar, mas como pagar? Num restaurante, se você observar a notinha fiscal com os valores do que você consumiu e os impostos sobre isso, você verá que no final terá um espaço para preencher com a “tip”, esse é o valor que você vai escolher pagar de gorjeta para a pessoa que te atendeu. Basta fazer a conta (pode usar a calculadora do celular, eles estão acostumados) para saber quando você precisa dar referente ao valor que você gastou, anotar na notinha e entregar para a pessoa, ela fará a cobrança (seja cartão ou dinheiro) com o valor total incluindo sua gorjeta.

Já se você vai comprar alguma coisa “to go”, ou seja, para não comer no local, ainda terá que pagar os impostos, mas a gorjeta vai do seu coração. Eu já tentei não dar gorjeta num café que eu comprei para tomar no caminho para o hostel, mas fiquei bem sem graça enquanto esperava a pessoa prepará-lo, me olhando com cara de julgamento hehe. Em casos assim, as gorjetas podem ser bem menores (até centavos) e, geralmente pagando com cartão, você pode escolher na tela do caixa entre as opções de gorjeta para ser cobrado junto.

Taxistas, geralmente uma gorjeta de $2 dólares é o ideal, a menos que a distância seja muito grande, ai vai do bom senso de cada pessoa. Ubers também ganham gorjeta aqui, no final da corrida, no próprio app na hora de avaliar, ele te dá três opções de valores justos de gorjeta, você pode pagar, ou não, já que nesse caso é confidencial e ele já terá ido embora mesmo.

Camareiras, também uma média de 2 dólares por vez, basta deixar em cima da mesinha antes de sair do quarto. Já para carregadores de malas ou staff do hotel o normal é $1 por mala ou se eles te ajudarem com algo muito específico, um pouco mais.

Acho que deu para ter uma noção de como as tips funcionam nos Estados Unidos. Agora é só ficar atento e não esquecer de dar a gorjeta para evitar aquele climão na hora de pagar a conta hehe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.

INSTAGRAM: @beautyfull_blog